terça-feira, 12 de junho de 2018

Comissão analisa situação dos Hospitais Universitários

A crise dos hospitais universitários foi tema da audiência que a Comissão de Legislação Participativa da Câmara dos Deputados realizou no dia 07/06, quinta-feira. A Frente Nacional Contra a Privatização da Saúde contou com a representação da Profª Drª Maria de Fátima Siliansky de Andreazzi, que ressaltou a necessidade e a importância de se realizar uma avaliação sobre a experiência da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH). Representantes da Frente Goiana Contra a Privatização da Saúde também estiveram presentes.
O parlamentar Glauber Braga (Psol-RJ), que solicitou a realização do debate, lembra que, sete anos após a criação da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, já é possível constatar que a nova empresa “não só, não resolveu os problemas dos hospitais universitários, mas criou novos problemas, aprofundando a crise”. A crise de financiamento persiste, alerta Braga. “Falta de materiais, leitos, instrumentos e insumos é uma realidade cotidiana gerando stress e adoecimento dos trabalhadores da saúde lotados nesses hospitais. Ao mesmo tempo oferecendo um serviço público precário para a população mais carente.”
Glauber Braga ressalta ainda a diferença de contratos e salários acarretada pela contratação de parte do pessoal por concurso e outra parte por meio de terceirização. “O modelo de gestão é autoritário e antisindical, além de não levar em consideração o diálogo com as representações dos trabalhadores da saúde lotados nesses hospitais. Ao mesmo tempo oferecendo um serviço público precário para a população mais carente.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário